templates grátis

Are you afraid?




Ao decidir fazer essa viagem, muitas pessoas passaram a me perguntar todo o tempo se eu não tinha medo ou afirmavam que eu era corajoso já que elas não teriam coragem. Isso fez com que eu me questionasse se realmente essa decisão estava sendo algo sensato ou um ato de irresponsabilidade tão somente.

Em todo o período que essa viagem passou a fazer parte de algo que julgo importante, muitos foram os sentimentos que vieram à tona, euforia, empolgação, reflexão, dentre tantos outros.

A essa altura, realmente, eu preciso confessar que estou ansioso e até mesmo um pouco amedrontado, como estaria para uma festa de formatura, um nascimento de um filho ou um concurso. Tudo novo amendronta, é normal.

Uma coisa então que me fez decidir que ir seria uma coisa certa foi o apoio de minha família, não somente com frases "tudo bem, pode ir", mas principalmente pela colaboração em organizar as coisas comigo. Dessa maneira, na certeza de que logo estarei de volta, não preciso alimentar o medo, apesar de estar a 11.631 KM de distância.

Rodrigo Reis

1 comentários:

katherinekripton disse...

RUDEY, VAI COM DEUS, NAO SE PREOCUPE, PENSE Q ISSO É IMPORTANTE PRA VC, Q VC ESQUECE ATE A DISTANCIA, E LEMBRE-SE Q ESTAMOS AKI PRO Q PRECISAR, NAO SE PREOCUPE Q EU CUIDO DO NEGO PRA VC. AFINAL AGORA VOU ESTAR MAIS PERTO DELE Q VC

RSRSRS