templates grátis

Se puder, leia até o final

Hoje, às 23:35, sento-me à frente do computador para escrever mais um post para este blog. Pensei durante o dia o que postar, pois achava que não tinha sentido criar uma ferramenta interativa como essa e não atualizá-la diariamente. Porém, o dia passou e me vi totalmente sem inspiração para escrever, mesmo que fosse sobre a coisa mais simples, só mesmo para dizer que não postei nada.

Contudo, esse exato momento se reconstrói de inspiração que já tomam um sentido contrário àquilo que costumamos fazer racionalmente. É quase meia-noite e esse blog, a viagem, me impulsionaram a pensar nas nossas necessidades. Pessoas costumam viajar, se distanciar da família e amigos e acham bem normal. Eu também encaro essa ideia e vivência com naturalidade.

Todavia, aos poucos, coisas simples em sua vida vão se enchendo de significância que a mais simples ação se transforma numa necessidade de pertencimento.

Essa viagem para Nova Zelândia é mais uma que também me distancio, mesmo que por pouco tempo, das pessoas que amo. Rotineiramente poderia ser algo bastante natural e que acontece comigo e com tantas outras pessoas todo o tempo. Mas o mais interessante disso tudo é que essa viagem se torna algo diferente para mim, não pela distância ou pela novidade, mas pela retomada dessa necessidade de pertencimento que toma forma e se transforma na simples ação.

Saio amanhã na certeza do retorno, pois tenho a vontade de viver com gente que me faz me sentir bem. Gente que me faz compreender que estou encontrando, diariamente, sentidos nem sempre descritos porque as palavras não são capazes de representar.

Poderia citar todas as pessoas que torcem por mim e pelos meus sonhos, mas sei que não haveria espaço para enumerá-las aqui nesse comentário. Mas gostaria de destacar que descubro , a cada dia, que pessoas, visivelmente tão pequenas, representam uma singularidade sentimental tão constantemente oportuna e fortificante que dá vontade de viver cada vez mais, de aproveitar cada sol e cada suor porque gente desse tipo faz com que você se descubra, se reconheça e se valorize: Emanuel & Maria Rita.

Estarei passeando perto, mesmo estando longe geograficamente porque a valorização da descoberta contínua me recobre de certeza alicerçada na vida. Essa valorização não é vapor nem poeira porque é concreta, porque alguém me ensina que tenho eu e tenho os outros sempre, que a distância corporal obrigatória não quer dizer o distanciamento da essência principal e que estar presente é estar com e em você: Mariana.

Ao som do silêncio, concluo meu ritmo, dizendo que sou feliz porque entendo que as pessoas que me amam, falam para mim sem falar, riem, confiam em mim sem pestanejar representam o sentido sincero de querer outro dia amanhã: mãe.

Vou finalizando este post, pedindo a todos que aproveitem o sol e suor da vida para viver as certezas simples porque a valorização da vida não é poeira e é só olhar ao seu lado, hoje, agora, neste exato momento, que há pessoas que também veem em você o que de bom, talvez, você, ainda, nem foi capaz de imaginar.

Rodrigo Reis

6 comentários:

katherinekripton disse...

NOSSA Q LINDO POST, ME EMOCIONEI, MAS NAO SE DESESPERE RUDEY, VC VAI ESTUDAR, PASSEAR, CONHECER OUTRO PAÍS, SE DIVERTIR, E VAI VOLTAR PRA NOS CONTAR TUDO COMO FOI, E LA NA FRENTE VC VAI VER QUE SE DESESPEROU ATOA, PORQUE VAI PASSAR TÃO RAPIDO QUE VC VAI QUERER BIZ, AMO VC NAO SE ESQUECE DISSO, NAO SÓ EU, MAS TODOS QUE TE RODEIAM, APESAR DE ESTAMOS LONGE FISICAMENTE, VAMOS ESTAR PERTO, POIS MANTEREMOS CONTATO SEMPRE.

Ana disse...

Emocionante o post Rudy.
Que Deus te abençoe.
Tente pensar sempre que esse período será de muito aprendizado e de experiências que farão de você uma pessoa cada dia melhor.
Boa sorte!
Conte com nossa torcida e nossas orações.

Edite disse...

Amigo estou acompanhando diariamente sua tragetoria e torcendo por você, imagino a felicidade de estar realizando um sonho ou seja mais um degrau em sua vida, você merece e vai conseguir tudo que almeja nesta viagem., abraços Edite

Edite disse...

Estou tentando acertar falar contigo, mas estou torcendo muito mais por voce e imaginado o conhecimento que você trará de lá, deve ser bacana está vivenciando toda esta experiencias. abraços, Edite

Edite disse...

RODRIGO REIS, BOA SORTE, dEUS ESTÁ EM SUA DIREÇÃO. ABRAÇOS, eDITE

Beyond Words disse...

Sâo sempre engraçadas as coisas que pensamos em momentos de viagem...ainda mais uma assim, tão esperada por você. Não vou dizer que imagino como está se sentindo quanto a todas as mudanças, pois eu não imagino não, no entanto, te desejo tudo de bom nessa nova etapa, e aproveite bem cada minuto, afinal, quando você voltar...TERÁ QUE CORRIGIR MEU PROJETO DO TCC...(na verdade, o de todos da sala)rsrs...